sábado, janeiro 28, 2012

Port Day ou Dia do Porto

O título, meio ambíguo, não é nenhuma ode ao clube mais representativo da cidade que se diz invicta. É, antes de mais, referência ao festival em honra do vinho do Porto que decorreu um pouco por todos os cantos. Cá e Lá.


The International Port Day ou PortDay é ideia de interpretação simples e descomplicada. Resume-se a promover de forma informal o dito. Bastava, por isso, provar ou beber, comer e conversar. E não parece que fosse preciso mais.


Para os interessados em pormenores, de cariz mais intimo, e desejosos de saber o que se absorveu, apraz dizer que o Quinta do Noval Colheita 1997, Warre's LBV 2001 prontamente tomaram dianteira, desaparecendo dos vasilhames num ápice.


Mas como sina é andar em sentido contrário em relação a outros, deixo, ainda assim, as últimas flexões para um estranho e inusitado vinho datado de 1879.


Incapaz de desenrolar qualquer articulado organoléptico ou  chorar dissimuladamente, como carpideira, as virtudes da idade de um vinho, ficam apenas registadas duas palavras: Vinho incomparável. Parece-me suficiente.

7 comentários:

Ricardo disse...

E incomparavel, é suficiente!
Eventos como estes querem-se assim, descomprometidos e informais.

Tive pena de não ter comungado com voçês desses momentos!

Pingus Vinicus disse...

Ricardo, muito boa onda. Como dizes e bem, ambiente descomplicado, após um dia de trabalho, não se quer mais.

Aquele abraço

airdiogo disse...

Foi uma grande noite com grandes vinhos e grandes amigos.

No fundo a receita ideal para festejar este dia é pareceu-me (e nisto posso não ser isento) que foi um sucesso. Toda a gente se divertiu e apreciou os vinhos e demos a nossa pequena contribuição para a promoção do Vinho do Porto.

Ainda bem que pudemos contar também com a tua presença. Obrigado e um abraço.

PS - eu não gostei nada do Porto (de acordo cm o Cid) de 1867

Cid disse...

1879... E não 67

Pingus Vinicus disse...

Diogo Rodrigues, eu é que tenho de agradecer, pela forma como fui recebido.

Ema Martins disse...

Foi uma noite fantástica.
Parabéns ao Pingus que embora tenha 4 mulheres em casa já fez e publicou este artigo.

Pingus Vinicus disse...

Ema, aproveitei a ausência delas :)